Combativo fechamento da BR 104 em Agrestina (Pernambuco)

Escrito por LCP do Nordeste
Publicado em 26/05/2017
Categoria: Notícias

Os camponeses da Área Revolucionária José Ricardo (Riachão de Dentro, Lagoa dos Gatos-PE), organizados pela Liga dos Camponeses Pobres, junto à Comunidade Quilombola de Pau Ferrado, organizaram durante quatro horas um combativo fechamento da BR 104 no município de Agrestina (Pernambuco) em protesto contra a reforma da previdência, contra o gerenciamento de Michel Temer e toda a sua quadrilha e em defesa da Revolução Agrária, além de pautas locais da região. Houve um apoio massivo da população circundante e mesmo dos que estavam com seus caminhões ou carros parados na estrada. Ao final do ato, dezenas de trabalhadores que trabalhavam na recuperação das estradas se somaram ao ato e aplaudiram as palavras de ordem puxadas pelos camponeses e quilombolas.

Vibrante celebração em comemoração dos 8 anos do Corte Popular na Área Revolucionária José Ricardo (Lagoa dos Gatos-PE)

No último dia 20 de maio, cerca de 100 camponeses organizaram uma celebração em comemoração dos 8 anos de vitórias contra o latifúndio com a realização do Corte Popular na Área Revolucionária José Ricardo (ARJR). Como parte da preparação da celebração, os camponeses organizaram diversos coletivos de organização da área e panfletagens em denúncia ao gerenciamento Temer e em defesa da Revolução Agrária nas vilas circundantes. Além disso, realizaram a entrega de novos mapas confeccionados com uma tecnologia mais avançada, tanto para os camponeses que ainda não possuíam, como um novo mapa mais preciso para os que já haviam recebido em 2009. Na abertura do evento foram cantadas várias canções populares por artistas da própria comunidade e com muito ânimo foi entoado o hino da Liga dos Camponeses Pobres sob o som de pífanos. A Frente Revolucionária, MEPR, o Jornal A Nova Democracia, professores da Escola Popular, a associação de moradores, coordenadores do Comitê de Defesa da Revolução Agrária e da Liga dos Camponeses Pobres fizeram intervenções antes da entrega dos mapas. Ao final, houve a realização de um bingo de um carneiro e um bezerro, seguido de um churrasco e um forró muito animado, com a participação dos camponeses não só da área, mas de todos os vilarejos vizinhos que foram convidados.

   

Notícias relacionadas « » leia também:

Sem notícias relacionadas para exibir nessa página.


   
     
   
» Todo o conteúdo pode ser copiado e reproduzido desde que citada a fonte «